23 de novembro de 2014

# Saudações a Manoel de Barros

Nhô Manuer, hoje eu amanheci lendo seus escrivinhamentos. Sabe como é, bateu aquela saudade de palavras que refrescam os pensamentos. Emocionado, não resisti e escrevi estas palavras. Sinhô, o Beco da Marinha em Cuiabá saúda a sua memória!

Sady Folch
Um Peregrino da Palavra

Nenhum comentário: